Noite em Casa

Nessa semana só tive tempo de brigar com o provedor Terra e com o cartão Visa, dessa forma não pude assistir a nada novo, por isso minha indicação vai apenas para um único filme, que é muito atual, mas garanto que é “aquele filme”.

O Segredo de Brokeback Mountain



Se você ainda não assistiu, assista! Caso você seja uma pessoa preconceituosa, deixe isso de lado e assista a esse lindo romance.

Dois rapazes vão trabalhar juntos como pastores de ovelhas no alto da fria montanha Brokeback. Ennis Del Mar (Heath Ledger) é um rapaz pobre, fechado e introvertido. Já Jack Twist (Jake Gyllenhaal) é um rapaz extrovertido, sincero e objetivo. Numa fria madrugada, Jack convida Ennis para dormir junto com ele em sua barraca e é lá que tudo acontece. Apesar de afirmarem que não são “gays”, antes do fim do verão os rapazes já vivem um lindo romance.

Porém, nem tudo são flores, depois que o trabalho temporário acaba cada um segue sua vida. Ennis se casa com sua namorada Alma Beers (Michelle Williams), e eles têm duas filhas. Jack vai para o Texas e se casa Lureen Newsome (Anne Hathaway) e também tem um filho. Vale lembrar que o filme se passa em 1963 e que naquela época seria imaginável um casal de vaqueiros assumirem um relacionamento homossexual.



Apesar da separação, alguns anos depois, os dois se reencontram e reatam o relacionamento às escondidas, mas nem tudo é perfeito e é claro que casal é descoberto. O preconceito é mostrado de forma nítida, cruel e irracional, tal como ele é.

Como todos sabem, o filme foi um sucesso de crítica vencendo o Leão de Ouro no Festival de Veneza, os prêmios BAFTA, Globo de Ouro e Independent Spirit Awards de melhor filme e direção, entre outros. O filme ainda recebeu oito indicações ao Oscar de 2006, ganhando três: melhor direção, roteiro adaptado e trilha-sonora. Poderia ter sido o primeiro Oscar de Ledger, mas infelizmente o Oscar só veio póstumo com Batman – O cavaleiro das trevas.

O Segredo de Brokeback Mountain é um daqueles filmes que a gente assiste com um lencinho do lado de tão bonito, sensível e triste que é! Duração: 130 minutos.

Michele Lima

Blogueira, tradutora, revisora, redatora, professora e pau pra toda obra. contato: michele_silvalima
@yahoo.com.br

Próximo
« Prev Post
Anterior
Next Post »
Comentários
5 Comentários
5 comentar
avatar

Michele, eu juro que não sou preconceituosa, juro mesmo, pode acreditar, não sou, cada um que faça o que quiser, só não quero que façam na minha frente, kkkk, por isso não vi o filme. E eles são tão lindos, vão acabar com todas as minhas ilusões, kkk. bjs

Responder
avatar

hahahahahahah Mamis!!!!! Não mostra muita coisa não, mesmo! Só uns amassos! Mas concordo com vc, acaba com todas as nossas ilusões! kkkkkkkkk

Responder
avatar

Corrija-me se eu estiver errado, mas tenho impressão que vc já publicou um post sobre esse filme.

Responder
avatar

Confesso que vc me assustou Vinicius, não confio muito na minha memória, mas não, eu não publiquei. Olhei em todos os posts do Noite em Casa e essa é a primeira vez que indico esse filme, Ufa!

Responder
avatar

AMEI ESSE FILME, O DIRETOR ANG LEE CONSEGUIU CONTAR ESSA HISTÓRIA DE UMA MANEIRA MUITO DELICADA, SEM QUERER CHOCAR. FIQUEI ENGASGADA COM UM CENA QUE ME TOCOU MUITO. É A CENA EM QUE ELES SÃO DISPENSADOS DO SERVIÇO APÓS A DESPEDIDA, O ENNIS DEL MAR (HEATH LEDGER) VAI PARA UM BECO E COMEÇA A TER ÂNSIA DE VOMITO, SENTI QUE NAQUELE MOMENTO A DOR DA SEPARAÇÃO FOI TÃO INTENSA,POIS PENSO QUE ELE JÁ AMAVA TANTO O JACK TWIST QUE MAL CONSEGUIA CONTER AS REAÇÕES QUÍMICAS DISTO. É QUE ÀS VEZES SE AMA TANTO, QUE DÓI, MAS É DOR FÍSICA MESMO.AI NÃO SOU TÃO ROMÂNTICA, MAS ÀS VEZES A EMOÇÃO TOMA CONTA.
AMO, ASSISTO SEMPRE!

Responder