Noite em Casa - Os Smurfs



Quando criança eu nunca gostei do desenho “Os Smurfs”, era bobo e o vilão me fazia mais rir do que sentir medo, sem contar que me parecia inacreditável que o Papai Smurf tenha tido tantos filhos homens! Sentia até pena da única Smurfet. Assim, sem muita motivação romântica e com uma história fraca, “Os Smurfs” nunca me agradaram.

Não pretendia assistir ao filme, mas estava de férias, rodeada de sobrinhos e sem muita opção para conseguir fazer com que todos ficassem quietos! Dessa forma, com um balde de pipoca na mão se sem muitas expectativas assisti aos bichinhos azuis!

A história começa na vila dos Smurfs e o narrado Smurf mostra um pouco de cada um e sua personalidade. Tudo estava em paz até que o Desastrado deixa o Gagarmel (Hank Azaria) e o seu pobre e cruel gatinho invadirem a vila. Como única forma de opção de fuga, alguns dos Smurf fogem para o nosso mundo, mas Gargamel, que quer a essência dos Smurfs para aumentar seus poderes, acaba seguindo-os. Sem querer os Smurfs encontram o casal Patrick (Neil Patrick Harris) e sua esposa Grace (Jayma Mays) e acabam sendo ajudados por eles. Óbvio que o protagonista humano, Patrick, não se dá muito bem ao princípio com as criaturinhas azuis, mas como em qualquer filme infantil, tudo acaba bem.

Como “Os Smurfs” é filme de ação e aventura, as crianças ficam presa aos acontecimentos, mas em relação ao humor o filme peca bastante, acho que a única piada interessante foi quando Patrick pergunta se o nome dos Smurfs era dado ao nascer ou depois que as características de cada um aparece. E isso só foi interessante porque ninguém soube responder a pergunta dele! Um tipo de piada sobre a própria história.

O enredo é bem fraco e não me decepcionou porque eu não esperava nada do filme, acho que em breve será um clássico da Sessão da Tarde, já que tem todos os ingredientes para ser! No entanto, resolvi recomendá-lo porque algumas pessoas podem passar pela mesma situação que eu, ou seja, precisar entreter a criançada e para isso “Os Smurfs” serve muito bem! Porém, cuidado: você pode terminar o filme cantando o hino das criaturinhas azuis sem nem perceber! Duração: 102 minutos.

Michele Lima

Blogueira, tradutora, revisora, redatora, professora e pau pra toda obra. contato: michele_silvalima
@yahoo.com.br

Próximo
« Prev Post
Anterior
Next Post »
Comentários
2 Comentários
2 comentar
avatar

Quando eu penso que trolei algo e fui má cruel e sanguinolenta, ai venho aqui e descubro que sou apenas uma jovem aprendiz!!! Pô, pobres dos bichinhos chatos dos Smurfs rsrsrss... Mas concordei com vc em TUDO!!!

Responder
avatar

E a musiquinha irritante deles?! Aff!! rsrsrsrs

Responder